Como Melhorar a Respiração No Canto

Como Melhorar a Respiração No Canto
4.8 (95.38%) 13 votos

Nesse artigo vou te dar dicas essenciais para você cantar afinado e melhorar suas técnicas vocais.

Essas técnicas são compostas por vários tipos de exercícios de respiração envolvendo o diafragma, exercícios físicos, hábitos saudáveis e postura ao cantar.

Comece Com o Diafragma

A primeira lição para conseguir manter as notas estabilizadas no tom certo, é como respirar pelo abdômen/diafragma. Exercitando a respiração no diafragma, você pode evitar o esforço excessivo das cordas vocais.

A primeira coisa é se manter de pé com as mãos na cintura, entre a região da bacia e da primeira costela.

Tome todo ar que conseguir e respire de forma profunda até conseguir fazer com que os dedos fiquem longe do abdômen.

O ar deve entrar tanto pelo nariz quanto pela boca para que o volume seja o suficiente para cantar com afinação.

Uma respiração que é feita corretamente, usa o diafragma, fluindo suavemente e de forma profunda por meio desse músculo. Uma expiração longa consegue liberar muitas tensões.

O controle da expiração é o que permite manter notas estáveis e longas.

Exercícios Para Respiração

Além de melhorar a respiração na hora de cantar, os exercícios respiratórios podem ajudar no tratamento e prevenção de doenças como o estresse, depressão e síndrome do pânico.

Com o bom uso do aparelho respiratório o poder de captação de oxigênio para os pulmões fornece um maior tempo de sustentação das notas da música e tira a sobrecarga nos músculos do pescoço e laringe.

Respiração Diafragmática Em Shavasana

Nesse exercício é preciso ficar deitado com os pés levemente afastados e os braços ao longo do corpo com as palmas das mãos para cima.

Respire pelo nariz de uma forma leve, coloque uma das mãos sobre o peito deixando-o o mais imóvel possível.

Coloque a outra mão abaixo das costelas, na parte de baixo do abdômen. Inspire e depois expire.

Respiração Bramari

Esse exercício é realizado com a pessoa na posição sentada com as costas retas, fazendo a inspiração pelo nariz e a expiração pela boca soltando os músculos da boca.

Respiração Nadi Shodana

Esse, também, é feito com o corpo reto na posição sentada, com o dedo médio e indicador da mão direita entre as sobrancelhas.

Expire pelo nariz e tampe a narina direita com o polegar e inspire apenas pela esquerda.

Depois faça o oposto, tampe a esquerda com o dedo médio e solte o ar pela direita, inspirando pela direita, tampe-a com o polegar e solte pela esquerda, completando um ciclo completo. Faça isso 12 vezes.

Exercícios Físicos

Fazer exercícios aeróbicos por meia hora todos os dias, expande os pulmões, limpando a área por onde o ar circula.

Isso melhora muito a capacidade do sistema respiratório, o que cria maior controle da voz.

Durante essas atividades é preciso expirar soprando o ar para fora.

Não Fume e Fique Longe De Quem Fuma

Fumar qualquer tipo de cigarro, charuto, narguilé, etc, pode danificar os pulmões e as cordas vocais para toda a vida.

O fumo vai deixando a voz ríspida com o passar do tempo, ressecando a garganta e as cordas vocais no momento em que é inalada. 

Postura Ao Cantar

A posição ideal para o canto é flexionando um pouco os joelhos alinhado com os pés, estufando o peito e sustentando a postura para manter um tom mais forte.

A respiração deve flexionar os músculos abdominais e usar o diafragma para proteger as cordas vocais.

A cabeça precisa estar sempre erguida com o queixo alinhado ao chão enquanto canta, diminuindo a pressão na garganta para obter um som mais limpo.

Os ombros, pescoço e rosto precisam ficar relaxado, pois a concentração precisa estar na respiração e no canto.

A respiração se aprofunda com mais facilidade pelo abdômen, diminuindo a pressão.

 Por último, beba água e hidrate suas cordas vocais sempre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *